quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

I'm a survivor

Sabe quando você sobrevive a um naufrágio a trocentos quilometros da costa e mesmo cansado, abatido, desesperado, com cãimbras e fortes dores musculares, mesmo tendo perdido pessoas queridas, mesmo sem ter o que comer e o que beber, você simplesmente tem que continuar nadando, tem que continuar se mexendo??? Ainda que não saiba se está indo para o lado certo ou nadando em círculos; ainda que o sol a pino amoleça as ideias ou a água gelada demais enrijeça os músculos; ainda que escute bichos não identificados à espreita; ainda que não haja visão de nenhum ser humano; você simplesmente TEM QUE continuar nadando.

Pois então, eu estava num cruzeiro transatlântico e agora só me resta nadar.

16 comentários:

Kamyla disse...

E nunca desista de nadar...não temos como lhe dizer se você estará em um Cruzeiro, mas em uma embarcação bem corfortável, você conseguirá...
Gosto muito de você, mesmo lhe conhecendo só por aqui...
E minha vigília continua...
Abraço forte.

Idê Maciel disse...

Marcele, para mim não é fácil mesmo falar isso para você, mas: VOCÊ PRECISA REAGIR!!! ESSA NÃO É A MARCELE QUE EU CONHEÇO... A Marcele que eu vi crescer reagiria de forma diferente. Tá bom o Thiago morreu abruptamnte, foi rasgado das folhas do seu cotidiano cor-de-rosa, da sua vida linda, maravilhosa, propaganda de margarina como você mesma já falou, mas, meu amor, a vida continua... A terra continua seu curso e seus filhos precisam de sua energia positiva, se seu vigor, de sua presença... Pelo amor de Deus, reage minha filha, NÓS precisamos de você VIVA e LÚCIDA!!! Faça pelo Matheus, pelo Thomás...Eu amo você, incondicionalmente... (se quiser apagar, tem esse direito!)

Anônimo disse...

curu, se preocupa não, jajá você chega perto da costa e aparece uma jangada pra te salvar :)
se precisar de alguma coisa, é só avisar!
bjo grande!

Bel disse...

Marcele, sei o quanto está sendo difícil caminhar sozinha. Digo sozinha, pq as decisões sobre os filhos terá que ser feita por vc, sem o teu Thi para ajudar. O casamento não é uma curtição a dois, mas uma missão a ser desempenhada a dois, a missão de construir uma família. Por isso, minha amiga, os pequenos precisam de ti, precisam da tua alegria. Sei que vc não está só nadando ou deixando a vida te levar, vc pode até achar que sim, mas na verdade existe uma força aí dentro de ti que surpreende todos nós que lemos teus posts diariamente. Fiquei feliz quando li teu post sobre "Resignação", que vc está resolvendo as coisas de cabeça erguida, chorava quando se encontrava sozinha, é um direito seu, é o seu momento e não pode ser tirado. Com o tempo a dor latejante vai deixar de ser. As bengalas que vc tem em casa pode não ser do seu tamanho, mas é o melhor apoio. Eles já mostraram bem isso, não é mesmo?
E mais uma coisa...
Obrigada pelo exemplo e por dividir tudo isso conosco.
Termino com uma frase do Mário Quintana: "O tempo não pára! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo".

Mulher da peste disse...

Tuas duas âncoras se chamam Matheus e Thomás.

Bjo.

Priscilla Augusto Maia Ribeiro disse...

Sei que você é capaz de chegar à praia inteira e, talvez você encontre um lugar bom pra viver.
Torço muito por você e sempre venho aqui no seu blog pois você despertou a minha admiração por ser tão forte e ter um amor tão puro e imenso.

Anônimo disse...

Paz pra vc, Marcele!!!! Todos os seus leitores amam muuuito vc!!!

E nunca se sinta como um exemplo de tragédia, mas sim de vitória!!! Vc vai conseguir superar tudo isso... e vai publicar em um livro esses seus relatos...e ajudar muuuuito mais pessoas!!!

Beijão pra vc!!! Não deixo de ler vc nunca mais... Comprarei seu livro, assim q vc publicar!!! :D

E qto essas notas fiscais... com certeza, vou atrás de enviar...

Anônimo disse...

Paz pra vc, Marcele!!!! Todos os seus leitores amam muuuito vc!!!

E nunca se sinta como um exemplo de tragédia, mas sim de vitória!!! Vc vai conseguir superar tudo isso... e vai publicar em um livro esses seus relatos...e ajudar muuuuito mais pessoas!!!

Beijão pra vc!!! Não deixo de ler vc nunca mais... Comprarei seu livro, assim q vc publicar!!! :D

E qto essas notas fiscais... com certeza, vou enviar...
Weidi:)

Sofia disse...

Marcele vc não vai sair dessa ... Nadar contra a maré e sair viva dela te dá mais força e te faz mais vitoriosa !!!!! Consigo ver no fundo dos seus olhos uma ponta de esperança !!!! Até pq vc tem aquelas 2 coisas maravilhosas pra te guiarem !!!! Vc conseguirá !!!!

Anônimo disse...

Amiga quisera eu ter condições de te dizer algo bonito, essas coisas que nos põem pra cima nesses momentos terríveis Mas confesso que não sou capaz, me perdoe a fraqueza, mas não entendo bem o porquê, mas essa tua dor, dói dentro de mim. Lendo agora teu blog, me despenco inteira, pensar na dor do "meu netinho" me deixa um trapo de gente. Já te disse isso em outras circunstâncias, tenho orgulho de você, porque apesar do destroço que carregas por dentro, consegues lembrar que a dor é da mulher, a mãe tem que estar intacta para atender aos apelos das crias. Não é fácil amiga criar filhos sozinha, mas pense que você terá que fazer isso, porque ele se foi e não por ter abandonado vocês. Beijão - adoro vocês, de coração!

Anônimo disse...

Marcele querida, sei que não gostas que insistam nisso, sei que precisa que te respeitem o momento de dor, mas... já é tempo de te dizer o que sinto. Na minha opinião, está na hora de você dar uma oportunidade a Ele. Não te preocupa porque Ele não vai invadir a tua vida, não te fará mão nenhum. Apenas não contas com a proteção dEle e enquanto mais te afastas dEle, mais as forças negativas se apoderam da tua vida. Ele é educado, nos concedeu a ivre arbítrio, só entrará na tua vida, se tu deixares, pensa o quanto tens a agradecer, és uma mulher bonita, inteligente e tens duas coisas lindas que precisam e esperam que tu dê a volta por cima. E NÓS SABEMOS QUE TU ÉS CAPAZ, SÓ PRECISA DECIDIR.
Beijão amiga, estou torcendo e esperando a tua volta.

ANNA CAMILA disse...

Marcele,faço minhas todas as palavras acima citadas, principalmente as que dizem que tuas âncoras são Matheus e Thomás... não desista! todos precisam de você!! Muita energia positiva e paz no coração!

Nika Lauda disse...

Nade, e nade sempre e se possivel pegue uma carona com as ondas. Siga em frente busque uma paz de espirito peça a Deus o conforto necessario, para que vc e as crianças possam viver bem e lebrar com felicidade, do marido e do pai que o Thiago foi pra vcs.
Força.

Vou acompanhar diariamente seus relatos...

Izabel disse...

Vc realmente se salvou no naufrágio,enfrenta uma vida agora bem diferente,tem muitas dores,sente-se tonta,girando em círculos,com a sensação de que a qualquer minuto irá despencar...
Mas...vc tem uma força interior que ainda não conseguiu enxergar verdadeiramente,e ela está no amor,agora representado por duas pérolas que no momento vc é TUDO para eles,vc é o EXEMPLO do amor que eles conhecem...como guerreira que és,vais conquistar grandes "cruzeiros",e seus filhos te darão gdes motivos para acreditar que o VERDADEIRO AMOR,tudo vence;eles serão e terão orgulho de suas histórias,do pai,de vc,da VIDA!!!
Lute,vc sabe o quanto é capaz de SER e FAZER feliz.

Priscilla Augusto Maia Ribeiro disse...

Concordo com quem disse pra você publicar um livro.
Virei sua fã por seus relatos e pela sua força e forma de ver e de viver a vida.

Um abraço.
Não te conheço, mas bem que eu gostaria de poder ver essa sua força pessoalmente.

Priscilla Augusto Maia Ribeiro disse...

Concordo com quem disse pra você publicar um livro.
Virei sua fã por seus relatos e pela sua força e forma de ver e de viver a vida.

Um abraço.
Não te conheço, mas bem que eu gostaria de poder ver essa sua força pessoalmente.