domingo, 11 de abril de 2010

É um doce perigo

Porque a gente pode tropeçar e quebrar a perna e pode ganhar na loteria; pode bater de cara num vidro bem limpo e pode bater de frente com uma pessoa linda; pode enganchar o dedo mindinho do pé no pé da cadeira e, enquanto as lágrimas descem, receber uma ligação inesperada e demorar horas em sorrisos e confissões; pode perder o ônibus e chegar atrasado e virar a esquina e descobrir um restaurante maravilhoso; pode ter o carro arrombado na mesma noite em que conheceu o amor da vida; pode perder o prumo e descobrir a força; pode sofrer a dor maior do mundo e descobrir gente que só te quer sorrindo; perder o amor da vida e ganhar uma vida de amores outros...

Viver é um perigo. Estamos a correr riscos diariamente, ininterruptamente... E sabe que cada vez mais eu tenho certeza que as nossas inquietações e ansiedades e roer-as-unhas e dormir mal e quebrar a cabeça não adiantam nada. Tudo sempre termina da maneira que era para ser. Isso não nos livra das dores nem das alegrias. Na verdade, é nisso mesmo que consiste a magia de estarmos aqui: Não saber!

Quando eu pensei que estivesse com tudo nos seus devidos lugares, pá pum! E agora eu acho que eu não quero mais nem saber onde são os devidos lugares das coisas todas. Eu não quero saber o jeito certo, o que é correto. Eu quero a vida, quero viver. Que ela venha do jeito que é para ser com os doces e os amargos que lhes são próprios e me deixe aprender, sorrir e crescer. Eu sei ser feliz em mim e com os meus! Eu sei!

10 comentários:

Cravo e Canela disse...

Menina você nasceu para brilhar.. pode anotar isso!!!
Beijim

narinha disse...

A.d.o.r.e.i!
Está mais que certa: TEM QUE VIVER SEM MEDO DO QUE POSSA OCORRER AFINAL, INDEPENDENTE DOS NOSSOS PLANOS E PROJETOS E SONHOS, VAI ACONTECER O QUE A VIDA OU O DESTINO OU DEUS QUISER QUE ACONTEÇA.
Seja feliz, como você sabe ser, minha amiga!
Beijossssss!
Tô aqui, como sempre!

Alê Crisóstomo Fotografia disse...

Interessante que hoje mesmo eu estava comentando isso com o Helano: estar vivo é arriscado. Desse modo, para que tanto medo de tudo? Mas a gente tem, né? Mesmo assim, viva, minha querida! Viva saudavelmente, alegremente, harmoniozamente, lindamente! Encha o seu mundo e o dos outros com sua alegria e com as coisas boas que brotam de seu coração. Bons tempos virão... mesmo com as recordações e a falta que ele faz.

c. disse...

é isso, querida, é isso. beijos meus, com um carinho imenso.

c. disse...

é isso, querida, é isso. beijos meus, com um carinho imenso.

Lidianne disse...

me inspiro nos seus posts...!
bjos!

Mulher da Peste disse...

Fantástico. Vc transforma fortes sentimentos em palavras como só os mais sabidos o fazem.

Izabel disse...

O dom da palavra...
o dom do amor...
o dom da felicidade...
o dom de VIVER!
O dom de SER VOCÊ...que sempre cativou,e sempre irá cativar!!!
Meu carinho,minhas orações...

Luan Rocha disse...

Muito bom!! mesmo...
e de repente ler por acaso, para entender, e algumas perguntas mudam!!!

felicidades 1000 [;)]

Kamyla disse...

Adoro ler tudo q vc escreve...estive ausente por um tempo, mas continuo na torcida pela felicidade de vcs...
Super abraço.