segunda-feira, 5 de julho de 2010

Sem medo

Eu não tenho mais medo do sofrimento nem da dor. Eu constato isso agora embasbacada. Descobri que até mesmo aquilo que previsivelmente vai me causar isso, merece ser vivido. Claro que merece ser vivido se for pra fazer feliz no momento presente. E se for pra fazer feliz no momento presente, a gente não pode se refugiar da vida, não pode fugir do que sente, não pode deixar de aproveitar intensamente o presente porque no futuro pode ser que haja dor. Eu aguento o tranco e prefiro mil vezes ser feliz e ter histórias pra contar, que viver a vida numa redoma. Eu não poderia ter previsto a tragédia, mas ainda que pudesse, já disse, não deixaria de viver tudo exatamente como vivi. Descobri que há sempre muitos motivos para seguir, para levantar a cabeça, para sacudir a poeira. Quem quer, sempre encontra motivos para. É óbvio que haverá também razões para as lágrimas caírem, mas já diziam os poetas que é melhor ser alegre que ser triste e que a dor é inevitável, o sofrimento é opcional.  Eu escolho ser alegre e eu até sofro, não nego, mas dou a volta por cima. Agora dá licença, que eu tô indo ali pra quase um mês de felicidade.

10 comentários:

Anônimo disse...

Que Deus abençõe sua vida cada dia mais,estarei aqui torcendo sempre por vc!
Bjs!

Sofia disse...

Pois vá e siga em frente !!! Siga seu rumo !!!! É assim que tem qie ser e assim será !!! Bjos

Anônimo disse...

Boa viagem!!!
Lembrei desta música de infância:
"Tudo o que eu fizer,
eu vou tentar melhor do que já fiz
Esteja meu destino onde estiver,
eu vou buscar a sorte
e ser feliz"

Paula.

Melissa disse...

Vizinha amada, boa viagem!! Aproveite cada segundo e tire MUITASSS fotos.
Beijosss

Stranger disse...

Amore,
Que sua viagem seja tudo o que você espera com mais uma pitada de felicidade.
Beijão,
Mita.

Flavia disse...

Boa viagem e tudo de bom, bjs

Yonara disse...

Marcele, gosto muito do que vou colar abaixo, leia:
"Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu. Para um dia plantar as suas árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver”.

Amir Klink


Não é interessante?
Aproveite cada minuto da sua viagem.
Boa Sorte!!!

Kamyla disse...

1 mês de felicidade?????
Bom demais!!!!
Aproveite!!!
Gde bjo.

Izabel disse...

1 mês de felicidade...
Você merece!!!
Ele sabe o que faz...
Curta cada momento...vais voltar RENOVADA!
Meu gde bjo no coração.

narinha disse...

toda licença do mundo!
e esse 1 mês vai ser só o começo.
beijo grandãaaao e torcida maior ainda; sabe,né?!