terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Da série cabe-como-uma-luva

Depois da invenção do photoshop, até a mais insignificante das criaturas vira uma deusa, basta uns retoquezinhos, aqui e ali. Nunca vi tanta mulher nua. Os sites da internet renovam semanalmente seu estoque de gatas vertiginosas. O que não falta é candidata para tirar a roupa. Dá uma grana boa. E o namorado apóia, o pai fica orgulhoso, a mãe acha um acontecimento, as amigas invejam, então pudor pra quê? Não sei se os homens estão radiantes com esta multiplicação de peitos e bundas. Infelizes não devem estar, mas duvido que algo que se tornou tão banal ainda enfeitice os que têm mais de 14 anos. Talvez a verdadeira excitação esteja, hoje, em ver uma mulher se despir de verdade... emocionalmente. Nudez pode ter um significado diferente e muito mais intenso. É assistir a uma mulher desabotoar suas fantasias, suas dores, sua história. É erótico ver uma mulher que sorri, que chora, que vacila, que fica linda sendo sincera, que fica uma delícia sendo divertida, que deixa qualquer um maluco sendo inteligente. Uma mulher que diz o que pensa, o que sente e o que pretende, sem meias-verdades, sem esconder seus pequenos defeitos. Aliás, deveríamos nos orgulhar de nossas falhas, é o que nos torna humanas,e não bonecas de porcelana. Arrebatador é assistir ao desnudamento de uma mulher em quem sempre se poderá confiar, mesmo que vire ex, mesmo que saiba demais. ... Não é fácil tirar a roupa e ficar pendurada numa banca de jornal mas, difícil por difícil, também é complicado abrir mão de pudores verbais, expor nossos segredos e insanidades, revelar nosso interior. Mas é o que devemos continuar fazendo. Despir nossa alma e mostrar pra valer quem somos, o que trazemos por dentro. Não conheço strip-tease mais sedutor. Todavia, há sempre o risco do não-reconhecimento ou do reconhecimento equivocado. Não é sempre que somos compreendidas quando nos expomos. Mas, ainda que não haja o reconhecimento, ainda que não dêem o devido valor, continuemos desnudas!

3 comentários:

Leonardo Xavier disse...

Eu concordo que beleza é importante e tudo mas as mulheres que realmente marcam a vida dos homens são aquelas que tem conteúdo e que sabem ser companheiras. Aquelas que realmente dividem os bons e os maus momentos. E ao meu ver isso também é sensualidade.

Cá Ponte disse...

o photoshop, na minha opinão, veste as nuas!
não tem nada mais natural que o natural, é clichê, mas é verdade...
a Martha Medeiros diz em uma crônica que o despir-se está na revelação de um segredo, numa declaração, num desabafo a quem não conhecemos ou conhecemos pouco.
a nudez física hoje não chama mais atenção de quase ninguém, apenas o nu artístico, por beleza... sem o erotismo proposto pelas revistas masculinas...

Mirys + Guigo + Nina disse...

E pensar que tem gente que acha "fácil e bobo" se expor internamente, apresentar na internet o seu interior...

É tarefa dificílima, baby! E fazê-la bem, é para poucos! Pouquíssimos! Tem que ter "cabeça violão", sem usar textoshop, se é que você me entende...