terça-feira, 22 de junho de 2010

Cartas para você XV

Thi,
Foi muito bom sonhar com você. Foi bom saber que você concorda com minhas decisões nem sempre bem pensadas, nem sempre prudentes, eu diria até que elas são puro instinto na maioria dos casos. Foi bom saber que você continua perto da gente. E mais incrível ainda a sensação nítida do cafuné. Nos últimos dias a saudade tem aparecido de maneira mais evidente. Talvez seja por conta da aproximação de julho. Havia mesmo muita coisa programada pra esse mês! Os planos agora são outros e não menos sonhados que aqueles que sonhamos juntos. E, se agora eu preciso tocar minha vida sozinha, nada mais justo do que realizar também meus sonhos individuais. Julho vem trazendo isso, a concretização de sonhos que eram meus. Os nossos, que sonhamos juntos, vão ficar pra sempre no futuro do pretérito, marcados pelo SE NÃO.
Ainda dói, sabe? Muito mais que eu gostaria. Em alguns dias é difícil manter a cabeça em pé, a espinha ereta e a respiração constante. Ainda bem que, na maioria dos dias, Thi, é quase fácil, quase não dói nada. É só uma coisinha ali dentro, que não me deixa esquecer que você realmente esteve na minha vida. As pessoas que ganhei, herdei, conquistei continuam sendo o melhor de tudo. Melhor que ver a burocracia destravar, melhor que ver o mundo entrando nos eixos, melhor que perceber a poeira baixar. As pessoas, Thi, são o que há de mais valioso. A gente já sabia disso, nera? A gente sempre soube. Tenho certeza de que você ficaria impressionado com a quantidade de amor que plantou aqui. Eu acho injusto que quem colha isso tudo seja eu. Você é muito mais querido que a gente imaginava, mozinho. Muito mais! Não sei como, não sei porquê, não sei; mas as pessoas transferiram para mim e para os pequenos o carinho que tinham por você. Como se fôssemos extensão do que você era. E eu tenho que confessar que adoro tanta generosidade, amizade, carinho e admiração gratuitos.
Tenho procurado desde o janeiro trágico manter as rotinas na nossa casa. Num primeiro momento, era para proteger as pequenos de um baque muito maior do que o fato de não ter mais você por perto. Hoje eu percebo que me serviu também para sentir que meu mundo inteiro não havia ruído. Mantermo-nos no nosso lar foi bom, foi saudável. As coisas foram se acomodando nesse período. Enfim, eu consegui tirar suas coisas do armário, consegui separar o que serviria de recordação e doar tudo que era seu. Ficamos com pouco e, aos poucos, vamos nos preparando para a vida nova que nos espera no apê novo. Lá, sim, será o recomeço. Eu sei o quanto você gostaria de vê-los aproveitando os espaços, o quanto aproveitaria aquela piscina e o campinho com eles. Acho até que você estará por lá.
Sabe, Thi, é incrível perceber agora que vai dando tudo certo, as coisas entrando nos eixos, a vida seguindo seu rumo... Não importa a avalanche que aconteceu na sua vida pessoal, o mundo não vai parar para esperar você se recuperar, o mundo não vai noticiar o seu drama no Jornal Nacional, as repartições públicas não vão dar prioridade porque você carrega uma dor absurda, as pessoas não serão mais atenciosas e delicadas com você por causa disso... O mundo simplesmente cobra que se siga em frente. E até isso é bom. Porque a gente acaba se descobrindo, vendo que se é mais forte, mais maduro, mais capaz do que se imaginou. Eu me descobri depois que você se foi. Eu percebi uma fortaleza que eu desconhecia e tomei as rédeas da minha vida nas mãos. As vezes cansa, sim, tomar conta de tudo, ser responsável por tudo; mas o saldo é positivo. Eu sei que você sabe disso.
Eu nem sei poque escrevo para você, nem sei ao certo se você me lê, nem sei se você está em algum lugar por aí. Sinto você ainda muito próximo, mas não sei se é você mesmo ou se sou eu querendo permanecer com a ilusão de que você me observa e me ajuda e me guia e me instrui e me protege e me guarda e me faz cafuné até eu dormir. Eu não sei de nada dessas coisas místicas. Eu não quero pensar nisso agora. Inegável é só este amor que persiste e essa saudade que teima em não ir embora. Ouvi essa música e, mais um futuro do pretérito, cantaria:
"Onde você estiver,
Não se equeça de mim
Com quem você estiver não se esqueça de mim
Eu quero apenas estar no seu pensamento
Por um momento pensar que você pensa em mim
Onde você estiver, não se esqueça de mim
Mesmo que exista outro amor que te faça feliz
Se resta, em sua lembrança, um pouco do muito que eu te quis
Onde você estiver, não se esqueça de mim
Eu quero apenas estar no seu pensamento
Por um momento pensar que você pensa em mim
Onde você estiver, não se esqueça de mim
Quando você se lembrar não se esqueça que eu
Que eu não consigo apagar você da minha vida
Onde você estiver não se esqueça de mim
"
Amo você demais!
Moreninha

VEJA TODOS OS SEUS EMAILS DE VÁRIAS CONTAS COM UM SÓ LOGIN. CLIQUE AQUI E VEJA COMO.

8 comentários:

Anônimo disse...

lindo demais, curu!

Anônimo disse...

nessa hora ele sorriu...

Anônimo disse...

... Ufa!!! Po mais que eu tenha ouvido o relato do seu sonho ao vivo e a cores, pude somente AQUI sentir a profundidade de tudo!!! Você é e será muito feliz. Te amo, muito! Sua mamãe.

Anônimo disse...

Nossa, Marcele, sempre que venho por aqui me emociono com a sua intensidade e sensibilidade!! Não só o Thiago, como muitos outros Anjos de Luz te auxiliam, sempre, na luta que é viver! Esteja certa disso. Grande bjo! Daila

Izabel disse...

Você é muito especial tanto quanto o Thiaguinho foi,para aqueles amigos que você diz ter herdado.
Sua sensibilidade,transparência,credibilidade nas pessoas,foi cativante e torna-a uma pessoa cada dia mais cheia de importância em nossas vidas,simplesmente por transmitir uma LUZ que nem você mesma se dá conta que tem.
Onde quer que ele esteja,está e estará sempre próximo de você e dos meninos;amor de verdade é eterno,e não só terreno.Acredite...e mais uma vez...obrigada SENHOR por teres uma filha que mesmo em sua dor,nos ensina,nos ilumina,e nos emociona com palavras tão lindas!

disse...

Você tem razao, a vida nao para para esperar a gente se recuperar, só nos resta seguir em frente , né. Já escrevi algo muito parecido no meu blog.
bjoss querida

Anônimo disse...

Espero de coração fazer parte destas pessoas que vc conta com herança eterna . Afu]inal que conheceu o THI
, sabe o que vc descreve em detalhes.
Abraços estarei sempre por perto .

Soraya Tomeé

Sentimentalidades-Todas disse...

Da dor pode nascer a beleza...
é o que desejo para você. Para todos nós
Estou lendo aos poucos os post´s passados. Gostando muito de sua franqueza e humor.

Abraços,
Mônica